Responsive Ad Slot

Ultimas Noticias

latest

Escolas de Maputo fazem árvore de Natal com sete mil garrafas de plástico

sábado, 9 de dezembro de 2017

/ by Francisco Vasco

Uma Árvore de Natal ecológica feita com garrafas recicladas, iniciativa da Associação Moçambicana de Reciclagem (AMOR), decora o centro da capital moçambicana, em Maputo, Moçambique, 21 de dezembro de 2015. A iniciativa visa, além de enaltecer o esprito da quadra, consciencializar os cidadãos sobre a importância do reaproveitamento do lixo.


Num país onde o tratamento de resíduos ainda é raro, os primeiros passos estão a ser dados em clubes do ambiente como o que existe na Escola Primária Completa de Maxaquene, em Maputo.



“Ao princípio, os alunos só viam o lixo”, mas com o tempo e a construção de peças como brinquedos e tapetes, “começaram a entender o que é a reciclagem”, explica Inácio Joaquim, professor que dirige salas dos nove aos 13 anos.
Hoje fazem a separação de resíduos e foi assim que contribuíram para que se juntassem as garrafas necessárias para fazer a árvore de Natal de sete metros, implantada na rotunda do Museu de História Natural.
A iniciativa já faz parte do calendário anual de atividades ligadas à reciclagem, refere Sandra Machaieie, representante da Direção de Educação da cidade de Maputo.
“Há produção de peças ao longo do ano: umas ficam em exposição nas escolas, outras são vendidas” para apoiar as atividades dos clubes ambientais.
Estes clubes estão implantados em escolas de todos os sete distritos da província da cidade de Maputo, referiu.
A árvore de Natal é também uma das faces visíveis da atividade de responsabilidade social do banco Millennium Bim, que desde 2007 financia toda a logística e bastidores das atividades de reciclagem nas escolas.
“O que mais nos importa agora é chegar aos mais novos, que é quem facilmente transmite a mensagem em casa” e faz passar o entusiasmo em reciclar, destaca Maria João Barbosa, dirigente da área de responsabilidade social no banco.
O projeto “Uma cidade limpa para mim” já contou com a participação de cerca de 10.800 alunos de escolas primárias e secundárias das cidades de Maputo, Matola, Vilanculos e Tete.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
©
© 2018 - MZ NOTICIAS. All Rights Reserved.